Entries tagged with “Cantos Sagrados”.


 

Hino recebido por Padrinho Alex Polari em Rishkesh, Índia ás margens da Mãe Ganga.

Viva a irmandade!

 
 cisnetambor
“Os cantos são um guia de luz pelas sendas da intenção. O círculo é um lugar para compartilhar.
Esta será uma noite para cantar, abrir o coração, soltar a voz. A oração toma a forma de canção; a canção flui no espaço, ecoando na natureza.
Cantar com o toque da alma, cantar para a água, para o rio, para o fogo. Cantar para que nos ouçam, cantar para ouvirmos o outro. Cantos sagrados, cantos de luz, mantras… Memórias vivas da sabedoria ancestral.”
O evento na noite do sábado passado, no Hotel Ponto de Luz foi mágico… cantando juntos, alçamos voo pelo grande coração do Grande Espírito em um mix de cantos sagrados da América, da África e da Índia.
Obrigada a todos pela oportunidade de voar! 

 Orar e Cantar

Existem duas formas de praticar o mantra, uma é repetindo internamente e outra é cantando. Mas, uma coisa é você repetir mecanicamente, distraidamente. Assim não será de grande ajuda, a não ser pra te embalar. Isso trás uma certa alegria, mas é diferente quando você está vocalizando com bhava ou sentimento. Quando seu coração está presente. Porque você já sabe o que está cantando.

É sua hora de comunhão com o divino, é uma prece em forma de diálogo com a divindade.

A oração pode acontecer de várias formas, uma delas é essa, através do diálogo. Você se sente separado, então neste estado de separação você dialoga com o eu superior, com a divindade. É importante que haja então presença nesta oração.

 A principal chave é você cantar e orar para o outro. Talvez você ainda não tenha se dado conta da dimensão deste poder chamado amor, que implica em querer ver o outro brilhar. Muitas vezes o seu desejo sincero de ver o outro brilhar é o suficiente para que isso aconteça.

Sri Prem Baba